domingo, 2 de julho de 2017

Detentos da cadeia pública de Teixeira iniciam princípio de motim que é contido rapidamente por policiais militares e por agentes penitenciários.


Um princípio de motim foi registrado na manhã deste domingo, 02, na cadeia publica da cidade de Teixeira no sertão do estado com distância de 305km da capital João Pessoa. Segundo as primeiras informações o princípio de motim foi registrado durante o banho de sol por volta das 9h40min.

Alguns internos conseguiram atear fogo em colchões no pátio da cadeia. De imediato os agentes de plantão com o apoio da guarda contiveram os revoltosos. Os autores foram identificados e isolados até a chegada da polícia militar. Foi feita pelos agentes penitenciários com o apoio da PM  a operação “pente fino” em todas as celas.

Os presos identificados pelo sistema de segurança interna da cadeia foram: Gilvanderson José da Silva natural de Taquaritinga do norte e preso por roubo majorado, Greseluz Pereira Santos natural de Imaculada-PB e preso por tráfico de drogas e Harrissom Ramon natural de Patos-PB preso por homicídio qualificado.

O fato foi comunicado a Polícia Judiciária para que os acusados sejam autuados pelo crime de motim e danos ao patrimônio publico.

A ocorrência foi atendida pelo Sargento Anchieta. Ninguém ficou ferido no recinto da cadeia.





Vitinho Galdino/ Teixeira em Foco

0 comentários:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial