Últimas Notícias

Nova operação policial prende mais quatro homens suspeitos de participarem de latrocínio em Santo Aleixo, distrito de Imaculada



Na segunda fase da Operação Carcará,coordenada pelas Polícias Civil (16ºDSPC) e Militar (5ª CIA\NI) de Princesa Isabel, em conjunto com a PM\PE (CIOSAC\NI\BEPI), que se deu nos municípios de Imaculada\PB, Brejinho e Santa Terezinha, no Estado de Pernambuco, foram presos em cumprimento a mandados de prisão temporária, expedidos pelo Juiz Pedro Davi, da Comarca de Água Branca, mais quatro indivíduos suspeitos de participação no latrocínio (roubo seguido de morte) da Sra. Maria de Lourdes Araújo dos Santos, ocorrido no dia 19.11.18, por volta das 19hs, no povoado de Santo Aleixo, município de Imaculada\PB.

Foram presos João Eudes de Oliveira Alcâtara, vulgo “Tamtim”, 27 anos, natural de Teixeira\PB, Mateus Oliveira, de 23 anos, natural do Rio de Janeiro, Edmundo Lima Silva, vulgo “Véi Rufino”, 27 anos,natural de Teixeira\PB, e Limuel Medes Silva, 19 anos, natural de Brejinho\PE. Edmundo Lima Silva, vulgo “Véi Rufino”, é o único que reside no povoado de Santo Aleixo.

Na última sexta-feira foram presos os suspeitos de executarem o crime, os pernambucanos Roberto Carlos da Silva Oliveira, vulgo “Robertinho”, da cidade de Santa Terezinha-PE; e Eugênio dos Santos conhecido como “Oiô”, de São José do Egito.

Para o Del. Cristiano Jacques, que coordena a operação, essa segunda fase visa colher provas e esclarecer alguns pontos ainda obscuros, para que as investigações possam ser concluídas com sucesso. Acrescentou o Dr. Cristiano Jacques que esses indivíduos são de alta periculosidade, e vinham criando uma verdadeira situação de medo e de “terror” para os moradores dos sítios, praticando roubos e furtos com execução e intimidação de pessoas. Porém, a Polícia deu um basta na situação, e restabeleceu a ordem pública na região. E por fim, frisou o Del.Jacques que o trabalho de integração entre as PC e PM, de Princesa Isabel, vem produzindo resultados inéditos na redução da criminalidade da região, conseguindo no primeiro semestre deste ano, em uma área de cerca 84.000 habitantes, “zerar” em homicídios. O melhor resultado já obtido por uma área de integração desde a criação pelo governador Ricardo Coutinho, do programa Paraíba Unida Pela Paz.

Fonte: 16ºDSPC