Últimas Notícias

Bombeiros combatem incêndio na mata e conseguem conter focos em Mãe D’água


Major Danilo Galvão, comandante do 4º Batalhão do Bombeiro Militar (4º BBM), falou da difícil tarefa de combater os focos de incêndio na Serra Preta, zona rural de Mãe D’água, região metropolitana de Patos. O fogo que teve início desde o último domingo, dia 22, segue sendo contido diante dos desafios da área em mata fechada.

De acordo com o comandante, a movimentação para combater o incêndio na mata teve início assim que a corporação tomou conhecimento, porém, o modo de operação é complexo, pois a região de serra não permite acesso com veículos e caminhões dos bombeiros aos locais do foco.

Os “soldados do fogo” caminham a pé carregando poucos equipamentos diante da necessidade de combater o fogo. A vegetação seca, o período de baixa umidade do ar, a mata fechada e a própria geografia da região não dão facilidade e os bombeiros combater o fogo com equipamentos individuais nas costas e com abafadores.

No final da tarde-noite desta sexta-feira, dia 27, os bombeiros conseguiram conter um dos focos. As atividades para vencer as chamas seguem por todo o final de semana e o Comandante Danilo Galvão disse que soldados que não estavam em seus plantões estão sendo convocados diante da necessidade.

Ainda não se sabe como teve o início o incêndio, mas o mesmo pode ter sido criminoso ou acidental, pois tem sido comum e irresponsável a prática de fogo em mata. Relatos do secretário de Agricultura de Mãe D’Água, Antônio Gomes, são de que o fogo começou às margens da PB 276 e se alastrou na mata. Restos de cigarros acesos jogados por motoristas e passageiros também podem ter dado início ao fogo.


Sonora- Programa Polêmica/ Rádio Espinharas de Patos

Fonte: Jozivan Antero/ Patos Online