Últimas Notícias

Homem se declara em rede social para mulher que tirou seio por causa do câncer de mama, na PB



A história de amor e superação de um casal que mora em Araruna, cidade do Agreste da Paraíba, viralizou em uma rede social no início de outubro. Valberto Faustino da Silva, de 22 anos, se declarou para a companheira dele, Joelma Santos Silva, de 43 anos, que precisou tirar um seio, após ser diagnosticada com câncer de mama.

Joelma, que trabalha como coveira, descobriu a doença há cerca de três anos, enquanto fazia exames de rotina. Ela se relacionava com o companheiro, que é cortador de cana-de-açúcar, há pouco mais de um ano. Ao descobrir a doença, ela conta que fez questão de isentar o rapaz de qualquer compromisso, mas foi surpreendida por ele.

“Cheguei para ele e disse que ele não era obrigado a ficar comigo. Disse que ia ficar feia e que meu cabelo ia cair. Ele disse 'amor, a gente tá junto até o final, a gente vai lutar junto. Se você ficar careca, eu raspo a minha cabeça também'. Ele me surpreendeu”, confessou.

Eles permaneceram juntos e garantem que o amor não só vence qualquer obstáculo, mas também cura. Valberto não poupa carinho e elogios quando fala da amada. “Eu quis mostrar o meu sentimento para ela, nesse mês tão importante de conscientização do câncer de mama”, explicou. Em uma rede social, ele abriu o coração para ela e conquistou milhares de admiradores.

“Lembra quando você descobriu a doença, chegou pra mim e falou que eu não estava obrigado a ficar com você e que podia ir viver minha vida? Simplesmente respondi que estou com você até o fim, vamos lutar juntos. E vencemos, graças a Deus. Hoje eu visto rosa em sua homenagem, meu amor e a todas as mulheres guerreiras”, disse ele na publicação.

Em pouco tempo a publicação viralizou na internet. Em menos de 15 dias, a mensagem com a foto do casal recebeu mais de 86 mil curtidas, foi compartilhas por mais de 128 mil perfis e comentada mais de sete mil vezes.

Nenhum dos dois esperava a repercussão que o post alcançou. Para o casal, o companheirismo e o cuidado devem ser a base de qualquer relacionamento. “Ele me apoiou desde o início. Desde então, estamos vivendo e lutando para vencer”, reforçou Joelma.

Joelma confessou que gostaria que todas as mulheres que passam pelo momento tivessem a mesma rede de apoio. “Não desistam. Deus é maior do que qualquer problema. Companheiros, não abandonem suas esposas. Elas precisam de ajuda”, reforçou.


Fonte- G1 PB