quarta-feira, 10 de junho de 2020

Rosalba Mota, presidente da AMVES vê com naturalidade investigações do MPPB


A prefeita de São José do Bonfim, Rosalba Mota, que preside a Associação dos Municípios do Vale das Espinharas (AMVES), se pronunciou nesta segunda-feira (08), sobre o anúncio vindo do Ministério Público Estadual da Paraíba, que vai realizar investigações com base nos gastos feitos para implementar ações contra a disseminação do coronavírus ou o tratamento de pacientes da Covid-19. Para Rosalba Mota, o procedimento é mais do que normal e necessário, porque além do trabalho em investigar os gastos com o erário público, faz com que cada gestor seja de prefeitura e/ou instituição também comprove o seu trabalho em um período tão importante nas ações de combate a pandemia.

“Eu vejo com muita naturalidade esta ação do Ministério Público da Paraíba, afinal é preciso sim sempre fiscalizar as ações que são realizadas com o dinheiro do povo. Como estamos em uma situação diferenciada, precisamos realizar aquisições, comprando alguns produtos que não é o rotineiro para prefeituras e secretarias de saúde, nada mais correto do que essa ação de investigação”, pontuou ela.

A gestora ainda afirmou que existem outros pontos positivos em ações como esta, afinal de contas o trabalho de cada gestor será mais divulgado ainda.

“Investigações como esta também vejo como uma ação profícua por acarretar ainda mais divulgação dos trabalhos de cada colega prefeito e associado a AMVES. É necessário que os munícipes de cada cidade fiquem por dentro dos trabalhos que são desenvolvidos pelos gestores. Sigamos em frente e juntos venceremos essa pandemia”, concluiu a prefeita.

Assessoria – AMVES

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only