quinta-feira, 20 de agosto de 2020

Jozivan Antero é vítima de Fake News em redes sociais


Nesta quarta-feira, dia 19, a notícia sobre o bloqueio de recursos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), em Patos, foi uma das principais discussões na mídia radiofônica. O secretário de Saúde do Município de Patos, José Francisco, o Zeca, concedeu entrevista e explicou o ocorrido, porém, várias versões e informações circularam em redes sociais.

Paralelo a informação verdadeira do bloqueio dos recursos, outra surgiu como notícia falsa, a chamada FAKE NEWS. Um senhor chamado Severino, que trabalha como metalúrgico em Patos, decidiu fazer uma brincadeira e acabou envolvendo o nome do radialista, pré-candidato a vereador e servidor público Jozivan Antero. Nó áudio, Severino relata que “os desvios do SAMU” estariam na residência de Jozivan Antero e do colega de trabalho França e que a Polícia Federal estaria nas residências dos citados.

Demorou pouco para que pessoas maldosas fizessem montagens em grupo de WhatsApp mostrando a operação que nunca existiu da Polícia Federal. Nas imagens, viaturas e agentes da Polícia Federal conduziam um homem que seria Jozivan Antero. A imagem é de outro fato, no entanto, serviu aos interesses de quem cometeu o crime de notícia falsa.

A Fake News percorreu diversos grupos na cidade de Patos, João Pessoa, Campina Grande e outras cidades. Jozivan recebeu inúmeras ligações telefônicas e mensagens sobre a notícia falsa e maldosa envolvendo o nome dele. “Mesmo nunca tendo assumido nenhum cargo de direção no SAMU, tendo uma vida ilibada e de luta, insinuam condutas ilícitas à minha pessoa. Hoje em dia, está fácil inventar mentiras e prejudicar pessoas. Infelizmente, ainda existe quem faça, quem espalhe e quem acredite. Agradeço a todos que me ligaram prestando solidariedade diante dessa mentira contra mim e o colega França”, desabafou Jozivan.

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only